simbolo da psicologa
Fernanda Soibelman Kilinski - psicóloga


Fobias - Doenças do Medo

A fobia é entendida como um medo persistente, intenso, excessivo e irracional na presença ou antecipação de determinada situação ou objeto. Este medo é desproporcional à ameaça.

Existem três tipos básicos de fobia:
- Agorafobia: Medo generalizado de estar em espaços abertos, onde seja difícil ou embaraçoso sair.
- Fobia social: Medo de situações onde é submetido à avaliação de outras pessoas. Muitas vezes confundida com timidez.
- Fobia específica: Nas fobias específicas o indivíduo tem medo de algo característico e específico, como por exemplo, baratas, chuva, sangue, etc.

Muitas pessoas que se apresentam no primeiro momento com fobia de coisas sujas, por exemplo, após ingressarem em uma psicoterapia descobrem que na realidade sofrem de uma perturbação obsessivo-compulsiva. Por isto a importância de procurar um psicólogo que possa diagnosticar e tratar corretamente.

O evitamento daquilo que causa o medo é a reação mais frequente, porém a mais complicada porque limita muito as atividades desta pessoa. A situação ou objeto é evitado a todo custo ou suportados com enorme sofrimento. Muitas vezes a pessoa reconhece a irracionalidade do medo, mas não consegue evitar.

Existem diversas formas de tratar uma fobia. Pode-se usar medicação, dessensibilização sistemática, etc. No entanto, em boa parte das vezes a fobia volta mais tarde, algumas vezes dirigida a um outro objeto ou situação. Pessoalmente, vejo a psicoterapia psicanalítica como a forma mais eficaz de tratar as fobias de forma irreversível. O paciente vai explorando com seu psicoterapeuta a origem do medo e compreendendo os verdadeiros motivos.

Voltar



Consultório localizado no Bairro Petrópolis em Porto Alegre
Rua Prof. Langendonck 57, sala 502 Petrópolis, Porto Alegre - RS - Fone: (51) 99636-2919*
* caso esteja em consulta retorno a ligação em seguida
fsoibelman@gmail.com